Home / Saúde / Viver em áreas violentas aumenta o risco de ataque cardíaco

Viver em áreas violentas aumenta o risco de ataque cardíaco



Um estudo publicado no Journal of American College of Cardiology (JACC) mostrou que pessoas com menor status socioeconômico e que vivem em uma área de criminalidade mais alta têm maior estresse e inflamação arterial, resultando em maior risco cardiovascular.

Os pesquisadores usaram imagens para estudar a ativação do centro de estresse no cérebro e capturar indicadores de inflamação.

– Status sócio-econômico e vivendo em lugares violentos ativa a amígdala cerebral, que libera substâncias que podem danificar o cérebro. vasos coronários e aumentar o risco de infarto ", explica Aola Smanio, um cardiologista do grupo Fleury. 45 a 66 anos. Os participantes foram acompanhados por pesquisadores por cinco anos.

̵

1; Pesquisadores acompanharam de perto pacientes que tiveram mais complicações cardíacas, como acidente vascular cerebral e acidente vascular cerebral, e descobriram que eles sofriam de estresse devido a outros fatores de risco, como diabetes ou ser fumante – diz Claudio Tinoco, Diretor Científico da Sociedade Estadual de Cardiologia do Rio de Janeiro (Socerj).

Para Tinoco, essa nova informação é de grande valor para a população:

– Além de conhecer um fator de risco adicional, uma indicação de que os governantes devem garantir a segurança pública não apenas reduzindo o risco de a população sofrer com a conseqüência de tt, mas também porque é um problema de saúde.

}); });
Source link