Home / Saúde / Quatro blocos são classificados como de alto risco para transmissão de

Quatro blocos são classificados como de alto risco para transmissão de




Foto: Carla Cleto

Rs = W: 350, H: 263, i: true, cg: true, ft: cache de cobertura = true

Medidas para combater a dengue

Um estudo epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) constatou que quatro distritos de Maceió – Pajuçara, Ponta Verde, Centro e Bebedouro – foram classificados como de alto risco para transmissão da dengue.

As informações levaram em conta as informações de pessoas infectadas até a 23ª semana de 2020. Segundo o SMS, a lei retornará às visitas domiciliares em áreas consideradas de maior risco nesta quinta-feira (16).

Devido à pandemia de Covid-19, a lei manteve o trabalho de campo para combater a dengue em estado de alerta e agiu para verificar as reclamações feitas.

Os agentes endêmicos seguirão as diretrizes do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde, que recomendam que o trabalho seja realizado no ambiente doméstico dos edifícios (lateral, frontal e quintal), sem entrar nas casas, usar o equipamento de proteção individual (EPI) necessário.

Além de controlar o Aedes Aegypti, a leishimaniose, triatomíneos (barbeiros), roedores e escorpiões também são controlados. “Vale ressaltar que a base para o trabalho dos agentes endêmicos é educacional. Eles orientarão os proprietários sobre como gerenciar e desenvolver o controle de animais e vetores venenosos. Por isso, é importante que a população cumpra seu papel adotando cuidados preventivos em suas casas e comunidades ”, enfatiza Carmen Samico, diretora de doenças transmitidas por vetores e animais tóxicos.

Verifique o risco para cada área

ÁREA DE BAIXO RISCO – 32 quadras: Jaraguá, Trapiche, Prado, Canaã, Gruta de Lourdes, Jardim Petrópolis, Pinheiro, Santo Amaro, Ouro Preto, Mutange, Fernão Velho, Chã de Bebedouro, Petrópolis, Rio Novo, Santa Amélia, Serraria, Barro Duro, Feitosa , São Jorge, Benedito Bentes, Antares, Santa Lúcia, Cidade Universitária, Clima Bom, Santos Dumont, Garça Torta, Guaxuma, Cruz das Almas, Jacarecica, Riacho Doce, Ipioca e Pescaria.

Área de risco MÉDIO – 14 quadras: Mangabeiras, Jatiúca, Ponta da Terra, Ponta Grossa, Poço, Levada, Vergel do Lago, Pontal da Barra, Pitanguinha, Fyren, Bom Parto, Chã da Jaqueira, Jacintinho e Tabuleiro dos Martins.

HÖRRISKOMRÅDE – Quatro quadras: Pajuçara, Ponta Verde, Centro e Bebedouro.

* Com informações do aconselhamento.




Source link