Home / Desporto / A BOLA – Substituto de Luxo Carlos Vinícius (Benfica)

A BOLA – Substituto de Luxo Carlos Vinícius (Benfica)



Carlos Vinícius, o atacante brasileiro contratado no último verão, continua se destacando e marcando pontos na hierarquia das greves após outro gol nos Açores, que garantiu o empate dos Eagles e depois virou

Vinícius, 24, tem sete gols em todas as competições, cinco no campeonato, três dos quais – no último dia de ontem – foram nomeados substitutos. Um luxo de ter alguém assim no banco.

Contra o Santa Clara, Vinícius chegou ao campo no início do segundo tempo e fez a primeira vez que bateu na bola aos 54, nove minutos depois de chegar e trabalhar no segundo poste para tocar na cruz.

Mas seu primeiro gol de substituição foi no dia de abertura do campeonato em Luz contra Paços de Ferreira, onde aos seis minutos de campo ele marcou seu quinto gol da noite. , passado por Nuno Tavares.

Então, foi contra V. Setúbal que ele também experimentou a sensação de festejar como substituto. Em algum lugar contra os sadinos, ele fez o gol mais decisivo até o momento, considerando que foi seu objetivo que fez o Eagles vencer (1

-0) em um jogo que não ficou bem em vermelho. Nesse caso, ele levou apenas cinco minutos para encontrar o alvo para o gol de Makaridze, nocauteou o goleiro e deu um chute para comemorar o gol que conseguiu os três pontos.

Vinícius também continua sendo o jogador que precisa de pelo menos minutos para marcar: com sete gols e 516 minutos de competição (de qualquer forma), o brasileiro médio leva 73 minutos entre cada comemoração. Pizzi, o melhor cortador de águias, passa em média 94 minutos entre cada festa.

O vendedor de canárias contratado durante a temporada de Nápoles por 17 milhões de euros já é o segundo melhor marcador da encarnada, embora não seja um começo. Caso contrário, ele jogou apenas quatro partidas até agora: duas na liga, uma na Liga dos Campeões e uma na Copa de Portugal.


Source link